Corpos Outros

Porque somos todos pedaços alheios.

É mais de dentro

– Você se pergunta por que as coisas têm de ser do jeito que são?
Eu fiz que sim com a cabeça, sem ter muita certeza de, com aquela conversa, aonde queria chegar.
– Tenho pensado muito sobre isso.
Mais do que o habitual? Eu queria perguntar, mas não fiz. Percebi que ela tinha mais coisas a dizer e fiquei em silêncio.
– Eu sei que há planos para todos nós, mas, às vezes, não consigo entender qual é a mensagem. Isso acontece com você?
Ela dizia isso como se fosse algo em que eu pensava o tempo inteiro.
– Bom – eu disse, tentando blefar -, não acho que tenhamos de entender o que acontece o tempo todo. Eu acho que, às vezes, é preciso simplesmente acreditar.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Fluescência

Porque somos todos pedaços alheios.

Fierce People

Porque somos todos pedaços alheios.

Pensar Longe

Porque somos todos pedaços alheios.

palavrasespalhadas

Just another WordPress.com site

Aqui dentro de mim

Porque somos todos pedaços alheios.

Lembranças Inconscientes

Porque somos todos pedaços alheios.

%d blogueiros gostam disto: