Corpos Outros

Porque somos todos pedaços alheios.

Arquivos da Categoria: Música

Te fazer igual a qualquer um

.

.

Melhor juntar palavras já testadas:
Amor, Saudade, Beijo, Despedida.
Um saco de figuras repetidas,
Tão gastas que já não te digam nada.

Querendo ver o mais distante

.

.

Eu hoje joguei tanta coisa fora
Eu vi o meu passado passar por mim
Cartas e fotografias, gente que foi embora
A casa fica bem melhor assim

Um milhão de coisas que eu nunca vou entender

.
Se o tempo tivesse um lugar e espaço para o seu passado, como um pequeno romance, eu queria ler várias vezes. Eu estaria no seu romance? Eu começaria e terminaria nele? Se eu tivesse um lugar e espaço para os seus olhos, você realmente acreditaria? Eu certamente te desafio. Eu não quero te assustar mais. Eu preciso do seu amor. Mais do que você jamais possa imaginar.

Pianinho

Quem é você que me esqueceu?
Cadê você que eu não esqueço?
Quem é você que me prendeu,
e depois me deixou pra trás?

Que não vai voltar
Por mais que eu cante, escreva, toque
Não vai dar

Você não vai mudar

Sou tão perto

.

Quando começar o frio, dentro de nós
Tudo em volta parece tão quieto
Tudo em volta não parece perto
Toda volta parece o mais certo
Certo é estar perto sem estar

Amanhã, será?

Amanhecerá!
De novo em nós!

In repair

Estou em conserto
Não estou recomposto
Mas estou quase lá

Um pranto do avesso


Há uma alma em mim,

há uma calma que não condiz.

.

Na cinza das horas

.

.

Ainda tem o seu perfume pela casa.
Ainda tem você na sala.

Porque meu coração dispara quando tem o seu cheiro?

Agora mesmo

.

.

.

Ei, me conta o que te faz bem, que te trago duas caixas cheias disso aí.

Livre, mas sem você

Eu gosto de ficar só, mas gosto mais de você.

Correndo pro começo

Conte-me seus segredos, faça-me suas perguntas, vamos voltar pro começo. Correndo em círculos, perseguindo a cauda, cabeças num separado silêncio. Ninguém disse que era fácil, é uma pena nós nos separarmos. Ninguém disse que era fácil, mas ninguém jamais disse que seria tão difícil assim. Oh, me leve de volta ao começo…

Poema

Eu hoje tive um pesadelo
E levantei atento, a tempo
Eu acordei com medo
E procurei no escuro
Alguém com o seu carinho
E lembrei de um tempo

Porque o passado me traz uma lembrança
Do tempo que eu era ainda criança
E o medo era motivo de choro
Desculpa pra um abraço ou consolo

Hoje eu acordei com medo
Mas não chorei, nem reclamei abrigo
Do escuro, eu via o infinito
Sem presente, passado ou futuro
Senti um abraço forte, já não era medo
Era uma coisa sua que ficou em mim
E que não tem fim

De repente, a gente vê que perdeu
Ou está perdendo alguma coisa
Morna e ingênua que vai ficando no caminho
Que é escuro e frio, mas também bonito porque é iluminado
Pela beleza do que aconteceu há minutos atrás

O certo é que eu dancei sem querer dançar

Nesse último mês
Eu que não bebo, pedi um conhaque
Pra enfrentar o inverno
Que entra pela porta
Que você deixou aberta ao sair…

Não trocaria um sorvete de flocos por você

– Saudade?

– Só um pouquinho. Um pouquinho o tempo todo.

 

Incrível

Exatamente como você é.

Só sorriso

Como você poderia saber
Se nesse mundo seu
Você não dá motivos ao sol
Pra clarear nova era

E quem irá dizer que não existe razão?!

E os dois se encontravam todo dia
E a vontade crescia, como tinha de ser.

Melhor mesmo é não saber o fim

Se a gente já soubesse como vai ser a viagem
antes mesmo de comprar nossa passagem
a gente já virava pro outro lado e dormia, tão só.

Se a gente entendesse que há um ciclo no amor
começa pela cura, mas termina com a dor
a nossa cama pra sempre estaria vazia.

Círculo

Quer saber? Eu tenho pensado muito em você.

Cabem três vidas inteiras

Coração não é tão simples quanto pensa
Nele cabe o que não cabe na dispensa
Cabe o meu amor!
Cabem três vidas inteiras
Cabe uma penteadeira
Cabe nós dois

Tchau. Até.

Começou como um sentimento que cresceu. E se tornou uma esperança que se transformou num pensamento silencioso. Que se transformou numa palavra silenciosa. E então essa palavra cresceu mais e mais alto, até ser um grito de guerra. Eu voltarei, quando você me chamar. Você voltará, quando acabar. Não precisa dizer adeus..

Mas sempre fica alguma coisa.

Skank – Amores Imperfeitos

Let it go, this too shall pass.

 

 Lembro daquela história zen, o rei que pediu ao monge um talismã que o protegesse de qualquer mal. O monge deu ao rei um anel, com a recomendação de abri-lo só em caso de extremo perigo. Um dia, o castelo foi cercado pelos inimigos, e o rei encurralado numa torre. Ele abriu o anel. Dentro, havia um papelzinho dobrado. Ele abriu o papelzinho e leu uma frase assim:

‘ISSO TAMBÉM PASSARÁ’

 

Caio Fernando Abreu

Titulo: OK GO!

I never felt that way

.
“E quando as coisas dão errado eu apenas sorrio pra você”
.

Mixtape

Um passeio pela pele

 

“Se tudo passa como se explica
o amor que fica nessa parada?”

 

Zeca Baleiro

Só você não viu

 

 

Leve

 

Não me leve a mal

Me leve apenas para andar por aí.”

.

Chico Buarque

Zaluzejo

 

Acredito que errado é aquele que fala correto e não vive o que diz.”

 

O Teatro Mágico

Alors on danse

 
“Quem fala de estudo, fala de trabalho,
Quem fala de trabalho, fala de dinheiro,
Quem fala de dinheiro, fala de gastos,
Quem fala de empréstimos, fala de demandas,
Quem fala de dívida, fala de oficial de justiça e também de estar no meio da merda
Quem fala de amor, fala também de crianças e fala sobre pra sempre e sobre separação
Quem fala dos seus parentes, fala de tristeza porque os problemas quase nunca vêm sozinhos
Quem fala de crise, fala do mundo, fala da fome e do Terceiro Mundo
Quem fala de cansaço, fala também do acordar ainda surdo do dia anterior
Então vamos sair para esquecer os problemas”

Então vamos dançar!

.

STROMAE

Brasil, mostra a tua cara!

 

Brasil!
Qual é o teu negócio?

Cazuza

Sem peso, sem não, só sina doce!

 

Camarada, viva a vida mais leve
Não deixe que ela escorregue
Que te cause mais dor.”

 

Fernando Anitelli / Danilo Souza

Music speaks

A próxima vez que a gente se encontrar
Eu vou te dar um beijo, sem pensar, calado
A próxima vez que a gente se beijar
Eu vou querer o mundo com você, do lado

Por que não tentar comigo?
Por que querer ser seu…
Amigo não…
Não há abrigo não

A próxima vez que a gente se encontrar
Eu vou te abraçar

Vou chorar, vou morrer
Só pra te fazer sorrir…

sofrer, sorrir
Só pra te fazer sof-rir…

.

Gugu Peixoto/Gustavo Vaz

Ponto de vista

 

A nuvem parece fumaça
Tem gente que acha que ela é algodão
Algodão as vezes é doce
Mas as vezes né doce não.”

 

O teatro mágico

Sobra tanto espaço

 

Vai saber, quem souber me salve.
Vai saber, o que me deu, quem sabe?”

 

O Teatro Mágico

August air

 

Não quero medir a altura do tombo, nem passar agosto esperando setembro. Se bem me lembro o melhor futuro é este hoje, escuro.”

 

Zeca Baleiro

O futuro era azul

 

Acordei sem nem dormir, havia pessoas no jardim, uns brincando de viver e uns vivendo sem sorrir.”

 

 

Pública

Digam o que disserem, o mal do século é a solidão.

 

Espero que alguém encontre minha mensagem numa garrafa, sim, andei por aí esta manhã não acredito no que vi, 100 bilhões de garrafas carregadas pela água até beira-mar. Parece que não sou o único que está sozinho, 100 bilhões de náufragos procurando por um lar.”

 

 

Sting

Titulo: Renato Russo

'Somos tão jovens'

 

Mas foi bonito. Não tinha importância que não desse muito certo. Repetiu: — Nós só tínhamos vinte anos.”

 

 

Caio Fernando Abreu

Título: Renato Russo

'…disso tudo eu entendo muito bem'

 

Não se preocupe com não-respostas ou longos silêncios. Sou a pessoa mais indicada para compreender esse tipo de coisa.”

 

 

Caio Fernando Abreu

Titulo: Thedy Correa

Fluescência

Porque somos todos pedaços alheios.

Fierce People

Porque somos todos pedaços alheios.

Pensar Longe

Porque somos todos pedaços alheios.

palavrasespalhadas

Just another WordPress.com site

Aqui dentro de mim

Porque somos todos pedaços alheios.

Lembranças Inconscientes

Porque somos todos pedaços alheios.